quarta-feira, 30 de maio de 2007

Meu menor abandonado

Muito eventualmente eu cometo uns personagens mas invariavelmente minha relação com eles é tortuosa, desgastante e dificilmente acaba bem. Quando a criatura já nasce como um desses rejeitos sub-humanos que infestam nossa realidade, feito o Muscu, aí é que não tem futuro mesmo. Entre idas e vindas o bichinho sobreviveu a três fases distintas em duas publicações diferentes. Morreu pelo menos duas vezes mas tal qual um fantasma, o aborto que anda volta e meia aparece pra me assombrar. Pois que seja exumado aqui neste desgovernável mundo novo.

Início da 1ª fase - revista BundasInício da 3ª fase - Pasquim21

2 comentários:

Adriana NUnes disse...

hehe
curtiii
=D

bju a até mais

Elton disse...

Lembro de um que vi no pasquim 21, em que ele encontrava um bebê morto no lixo e ia com ele pedir esmola. Cara... muito na veia. Ao mesmo tempo grotesco e tocante. Parabéns.
Eu gostaria de ver mais Muscu aqui.