quinta-feira, 17 de maio de 2007

vocês não merecem ser salvos

Houve um tempo em que eu acreditava em desenhar heróis, digo, um personagem com sobrepoderes humanos. Aquele papo de como o super-homem provavelmente seria se não fosse um E.T.. Assim era o Homem Macho, publicado no jornal A Notícia(RJ) no início dos anos 90 e na revista Kriptoris, todos extintos.

4 comentários:

argh, lemòn disse...

...a contrapartida pra brochada foi sensacional.

O Batista disse...

Cara, de tudo que já vi seu o Homem Macho é o que mais gostei. É babaca falar isso mas me lebra os quadrinho que mais gosto do Adão.

Leonardo disse...

Bem notado, batista. Principalmente pelos olhos tipo traço bem no estilo do Adão, que aliás é meu Wolinski predileto. Na época eu era leitor da Dundum e isso pode ter sido um efeito colateral. O engraçado é que eu queria desenhar feito o Laerte e peguei esses olhinhos dele. Especificamente de um personagem que lembrava o desenho do Guto Lacaz, ou talvez aquele cartunista belga que eu esqueci o nome, mas chega, fiquemos por aqui senão a suruba não tem fim.

Rico disse...

Finalmente te encontrei, rapá!
Dá um pulo no meu blog www.ricostudio.blogspot.com e me manda um email que quero te mandar um negócio (sem pensar bobagem!)
Abraço!
Rico.